Pular para o conteúdo principal

Perspectiva de edifício residencial com renderização NPR


Quem acompanha as postagens deste blog já sabe um pouco sobre minhas experiências gráficas com o iPad Pro, a Apple Pencil e o aplicativo Procreate. Recentemente resolvi fazer um teste de pintura digital usando as técnicas de um artista chamado Nicolai Lockersten. Admiro e acompanho a sua produção desde que comecei a usar o Procreate como minha principal ferramenta de desenho digital.

Você pode observar pelo seu portfólio que não se trata de um profissional de visualização arquitetônica, mas sim dá área de concept art para cinema e games. Sempre me chama especial atenção o modo como ele faz a pintura ficar bastante espontânea e com aspecto de sketch. Segundo o próprio autor é exatamente o que este tipo de acabamento se propõe a ser, uma "sketch painting".

A imagem acima mostra um detalhe da perspectiva de um edifício residencial projetado pela EXP Brasil que usei como objeto deste estudo. Colaborei com este projeto, juntamente com os colegas arquitetos desta empresa, no que diz respeito a concepção da volumetria e elementos de fachada. Depois que a concepção foi aprovada, e o modelo B.I.M. concluído, usei-o como referência para produzir a renderização final.

O processo total está resumido nas quatro imagens abaixo. A base linear serviu como delimitadora da silhueta geral que, posteriormente, foi usada como base de toda a pintura. Observe que inicialmente eu fiz um estudo de sombras e luzes com um fundo cinza médio. Este fundo ajuda a determinar com mais precisão quais são as zonas escuras, as de meio tom e as de luz. A cor é aplicada após este estudo e obedecendo aos tons já conseguidos.



Veja nas imagens ampliadas como não há definição de detalhes e como a configuração geral tenta ser bastante solta e sem refinamentos gráficos. É importante frisar, entretanto, que a base deste processo não está exatamente na obra do Nicolai ou mesmo nas técnicas de pintura digital, mas sim na percepção do todo pelo somatório das partes, nos contrastes, na harmonia das cores e na própria geometria da perspectiva que já são velhas conhecidas de qualquer artista seja digital ou analógico.




Veja o vídeo time lapse de todo o processo abaixo:


Postagens mais visitadas deste blog

Projeto de Arquitetura de Interiores com SketchUp - Parte 1

Em julho/2013 ministrei aulas para a segunda turma do curso de Especialização em Arquitetura de Interiores da Unifor. Meu módulo se chama Representação e Apresentação de Projetos de Arquitetura de Interiores. Nessa ocasião, depois de passarmos pela parte teórica, desafiei os alunos a abandonarem as técnicas mais tradicionais de representação usadas em seus escritórios e convidei-os a focar no uso de croquis e de modelos 3D do SketchUp.
Fizemos um projeto fictício de uma pequena cozinha e os alunos foram orientados a seguir o seguinte processo de trabalho: projetar o ambiente desenhando, à mão livre, os croquis da planta e de quatro cortes com aplicação de cores e algumas texturas. Esses croquis deveriam ser levados diretamente ao SketchUp para modelagem sem o uso de desenhos DWG bidimensionais.  Na verdade, durante todo o processo, a turma foi instruída a não usar o AutoCAD em nenhuma ação. Em substituição ao programa da Autodesk, fiz rápida explanação de como usar o programa Layout …

Dica SketchUp - Imagens em escala!

O SketchUp, em todas as suas versões (inclusive a online), permite que você exporte imagens PNG de qualquer visualização gravada em suas cenas. Um problema deste tipo de geração de imagem é o fato das mesmas não serem exportadas em escala.

Neste pequeno tutorial veremos como gerar a imagem de uma vista ortogonal de uma escada (Imagem 1) na escala de 1:25. Depois importaremos esta imagem para o Inkscape colocando-a em uma prancha A4. O Inkscape, para quem não conhece, pode ser considerado a "versão opensource" do Corel Draw/Illustrator sendo de uso livre e gratuito, mas quem preferir pode usar qualquer programa similar. Para complementar este tutorial você também pode assistir ao vídeo abaixo!




Primeiro prepare uma cena mostrando uma vista ortográfica de seu modelo como mostrado na Imagem 2. Não esqueça de desativar o modo de visualização em perspectiva e ativar a projeção paralela (Menu: Camera - Parallel Projection).

Coloque seu desenho na visualização máxima que sua te…

Desenho arquitetônico: cortes em uma residência térrea - Parte 2

Aqui você verá o processo de detalhamento dos elementos do telhado tomando como base os cortes genéricos feitos anteriormente. Vejam a lista de vídeos abaixo e bom proveito! Vídeo Aulas Desenho de cortes - parte 5 Desenho de cortes - parte 6