Desenho de uma perspectiva interna


O desenho de perspectivas sempre foi uma ferramenta necessária ao trabalho de arquitetos e designers. A chegada dos recursos eletrônicos alterou o uso desse tipo de representação gráfica que passou a ser mais usada nas fases iniciais de projetos, geralmente na forma de croquisEmbora a apresentação por meio de perspectivas esteja hoje em dia fortemente ligada a modeladores 3D como, por exemplo, o SketchUp, e a renderizadores fotorrealistas como, por exemplo, o Vray ou o SU Podium, o aprendizado da confecção manual delas ainda é componente importante da educação gráfica de estudantes de arquitetura e design.

Isso ocorre porque, ao contrário do que muitos pensam, o desenho a mão ainda é bastante usado e importante dentro do processo projetual. Ele pode ser aplicado na fase de apresentação do conceito do projeto como você pode ver nesse site ou até mesmo nas apresentações finais como você pode ver no trabalho do arquiteto paulista Eduardo Bajzek. Durante muito tempo lecionei disciplinas que tratavam das técnicas de perspectiva. Resolvi então postar um breve passo a passo (clique aqui para assistir) mostrando como montar uma perspectiva interna de forma volumétrica e depois confeccionar um croqui. Peço perdão pela baixa qualidade do traço. As imagens são fotografias dos desenhos originais que foram feitos usando pincel para quadro branco. Sendo assim, há muito brilho e em vários momentos a foto ficou um pouco desfocada. Espero que gostem!